19 de abril de 2011


O difícil não é traçar uma linha geométrica que separe o correcto e o incorrecto.
O díficil é fazer o correcto sem ter que usar, por algum meio, o incorrecto.

7 comentários:

Niqui disse...

não podia estar mais de acordo!

Mafalda disse...

É verdade, mas acho que também não temos obrigação de estar sempre acima dessa linha. Fazer o que está definido como "incorrecto" também é bom, depende é do ponto de vista e do momento em que é feito.*

carina, disse...

muito obrigada!

Maria disse...

Já fiquei apaixonada pelo teu blog pelo simples facto de cá passares beck. um amor :)

Mariana disse...

Fantástica análise, fantástica!

Isabel disse...

Belíssima análise, gostei bastante.

Daniela. disse...

Tanta verdade em apenas duas linhas :)