16 de abril de 2010

Terra do Nunca!

Acordei, mais uma vez, com aquela vontade enorme de te ter ao meu lado, olhei para o meu telemóvel e de cinco mensagens nenhuma era tua. De olhos ainda entre-abertos, dirijo-me para a casa de banho, dispo-me e consigo sentir o teu cheiro no meu corpo. Ponho a àgua a correr e vagueio nu pela casa enquanto penso na roupa que iria vestir. Tomo banho, visto-me, preparo-me e debruço-me no parapeito da janela do meu quarto. Eram seis horas da manhã mas ainda se via o nascer do sol. Inesperadamente, imaginei ali um episódio de uma cena infantil. Naquele preciso momento queria encarnar a personagem de Peter Pan para poder voar em direcção ao local onde te encontrasses e continuar a viver na Nossa Terra do Nunca, onde, supostamente, Nunca nos iríamos separar.

42 comentários:

Catarina disse...

era tão fácil se pudessemos ser as personagens que queremos para alcançar aquilo que desejamos . mas assim a vida nao teria piada , não era preciso lutar e suar pelos nossos objectivos . não desistas *

diogo disse...

acho que a terra do nunca dava nos jeito a todos

ML disse...

confesso que já tinha saudades dos teus post's!

Lu disse...

este post estao tao 'diferente'...nao me peças para explicar, simplesmente fez mexer algo cá dentro !

Maria disse...

bates tudo meu amor ,continua com as historias que só tu sabes contar.
Love you

Catarina disse...

completamente Edgar .

Alguém... disse...

Derrete qualquer coração (:

annie disse...

adorei *.*
ai a terra do nunca, era lindo era.
pois é, coração apertado é do pior que há mas já me sinto bem melhor :)

Isabel disse...

Adorei o texto :)

Anónimo disse...

Viver no fantastico nao nos leva a lado nenhum...
O peter pan um dia torna-se adulto e todas as coisas que o levam á fantisia desmoronecem e entao tudo acaba...Vivemos todos com isso no' nosso dia a dia , é dificil não é?
Mas hoje es tu, amanha sou eu, um dia seremos todos... D'anonimo que te adora...

Meio Cheio disse...

Todos temos os nossos momentos de terra do nunca...em que queremos não só voar, mas partir para algo só nosso...para aquele alguém só nosso ^^
Lindo!
Beijo*

ricardo disse...

um dia deixarás d sentir o cheio, e sentirás a pele, deixarás de olhar ao telemovel, e sentir os labios, no lugar das mensagens, a te tocarem no ouvido. Vais debruçar-te na janela de um quarto que não será o teu, apenas, e olharas o sol com um sorriso imenso, que te levará a pensar que tudo isto te ensinou e fez crescer que quem constrói a terra do nunca, és tu.

Suu disse...

Obrigada Edgar *.*

Tambem eu já desejei tantas vezes, voar para a terra do nunca. O sitio mais maravilhoso do mundo onde só podemos mesmo ser felizes. Acredito que um dia lá irei parar, pode não ser tal e qual como nos meus sonhos, mas serei igualmente feliz, e tu tambem :')

sou colada no teu blog xD
beijinhoo *

ML disse...

oh que bom! eu sou addicted no teu blog, não podes fazer disto :c

Edgar Alves disse...

Querido(A) Anónimo,
Mais uma vez muito obrigado pelo comentário e pelas suas palavras de força. É verdade que viver no Mundo de sonhos apenas traz vantagens momentâneas mas quando a dor é incontrolável por vezes necessitamos de procurar caminhos alternativos para pode-las ultrapassa-las! Espero breves comentários. Abraço\Beijinho*

Suu disse...

eu já tinha comentado por aqui *.*

disse...

é por isto, que desde pequena, que nunca gostei destas histórias que se contam, e que supostamente nos deixam a sonhar e a acreditar que aquilo é verdade. eu nunca acreditei, inteiramente, pelo menos.
mas se há dias em que me apetece mesmo que me contem de novo estas histórias, e que quero fortemente acreditar nelas, hoje, é um desses dias!

m.sunshine disse...

porque é que existe o supostamente na última frase?

Isabel disse...

Não podia de deixar de concordar contigo acerca do comentário :)
Um beijo

Inês disse...

Era perfeito se a vida pudesse ter um 'guardar como' para sempre que quisessemos, houvesse a hipotese de ir recordar os velhos momentos sem se esquecer o mais infimo pormenor; Ou uma reciclagem, quem sabe, para apagar tudo o que não fez sentido durante um periodo de tempo, e mais tarde quando quem sabe, já o fizesse, pudessemos recuperar. Mas não tem, e é assim que temos que viver, aproveitando cada dia e cada minuto, pois o próximo já não vai ser igual.

saraviana disse...

nem sabes o quanto é bom receber comentários como o teu :)
acho que foi a coisa mais bonita que me disseram no blog!
fiquei muito muito muito mas mesmo muito feliz que seja assim*

estás de parabéns pelo teu blog! a ultima frase desde texto tá uau.

beijinhos,

Niqui disse...

Que bonito (:
Como gostava de chegar à minha Terra do Nunca ..

Sara Santos disse...

já tinha saudades destes textos maravilhosos *.*

(não tens de agradecer, o teu blog é realmente espectacular :D Ah, e obrigada pelo elogiu, és muito querido!)

acatarinamaçuca disse...

Meu principezinho mais lindo, que saudades que tinha de lêr o teu blogue. Já não vinha cá há bué o:

diogo disse...

ahh ele conseguiu convencer te, finalmente ;p

lá love disse...

eu espero bem que essa estrelinha exista; nem que seja só para me lembrar de que sou importante.
já tinha saudades de ler os teus maravilhosos post's!
ela hoje pode não estar contigo, mas amanhã podes acordar e ela estar ao teu lado para o resto da vida; talvez aí, tenhas chegado à terra do nunca!

Gabriela disse...

Ó Edgar, que mágico.
A primeira parte, o real, com a rotina após a existência dela e depois, a segunda parte, o imaginário. Terra do Nunca: quem não gostava de viver? :) Mesmo lindo. * Tornas a simplicidade no mais belo.

Andrea Soares disse...

É impossível não gostar :$

danielascsilva disse...

obrigada, edgar *.*
beijinhos.

Danii disse...

Ohh, que texto amoroso $:

Tiago MM. disse...

obrigado :')
tens aqui um belo blogue também.

Joana Carvalho disse...

tao lindo *.*

vou seguir :)

Neuza disse...

está lindo! era tão bom que na realidade tudo fosse assim, tão simples..

Joana disse...

infelizmente, quando mais preciso do meu orgulho é quando não o consigo encontrar. mas ele aparece, mais cedo ou mais tarde.

Inês disse...

Com o avanço da tecnologia, qualquer dia somos um computador ( se é que me entendes, claro ) .
O ser humano e a vida deste é muito complexa, para poder definir em meras palavras.

Joana Carvalho disse...

olha qem fala :)

obrigada *.*

Tiago MM. disse...

tenho sim, porquê ? :D

ST disse...

fiquei a chorar ao ler este post! quem me dera ter o meu peter pan

ann disse...

Todos gostariamos de ser um peter pan e voar *

Anónimo disse...

Como se chama esta música?:)
Fazes cada texto *__*

Anónimo disse...

Grande texto! LINDO!
parabens miudo!*

PatriciaCorreia disse...

Texto sentido :)
Adorei *.*

Era tão bom, podermos encarnar naqueles nossos "idolos", entrar em livros, viver os nossos sonhos impossíveis... Mas mesmo sendo apenas pensamentos, é tão bom sonhar ^.^